Encontro Jovens da Agropecuária reúne mais de 200 pessoas de diferentes gerações

Troca de experiências marcou evento realizado na última segunda-feira (24), na Casa Rural

25/10/2016

Encontro Jovens da Agropecuária reúne mais de 200 pessoas de diferentes gerações

Troca de experiências e interação dos participantes. Assim foi o 3º Encontro Jovens da Agropecuária, realizado na última segunda-feira (24), na sede do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, com a presença de mais de 200 pessoas de diferentes gerações.

Segundo o presidente do Sistema Famasul, Mauricio Saito, o auditório lotado de jovens líderes e empreendedores mostra que o setor produtivo está trilhando o caminho certo para o desenvolvimento do País. “Uma pesquisa realizada pela PUC/RS mostra que 40% dos jovens não querem morar no Brasil nos próximos 10 anos, principalmente pela questão econômica e conjuntura política. Por isso, me alegra ver aqui jovens que contrapõem esse tipo de pensamento”.

Para Saito, hoje a nova geração de profissionais brasileiros inseridos recentemente ou que vão entrar em breve no mercado de trabalho precisam ter acesso a informações de qualidade. “Ao mesmo tempo que temos um excesso de informações, elas não são consolidadas. É preciso filtrar”.

Em seguida, o presidente do MNP – Movimento Nacional de Produtores, Rafael Gratão, enfatizou que o evento é organizado de ‘jovens para jovens’. “Essa nova geração é o futuro e, por isso, devemos motivá-los. O sucesso está na educação e na sala de aula”, afirmou Gratão, dando ênfase ao CNA Jovem, programa idealizado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil, juntamente com o Senar – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, com o objetivo de desenvolver novas lideranças para o campo e para o País.

Além disso, o presidente do MNP falou sobre a campanha ‘O que o agro gera’, lançada durante o evento, que consiste na distribuição de camisetas personalizadas registrando as cores da bandeira brasileira.

O chefe-geral da Embrapa Gado de Corte – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Cleber de Oliveira, também falou da importância da juventude no desenvolvimento do setor. “Se você quer que haja uma mudança, coloque um jovem à frente”.

Palestras – Com tema ‘A juventude e o protagonismo na liderança do agronegócio’, o secretário de Gestão Estratégica do Governo de MS e proprietário da Sapé Agro, Eduardo Riedel, ministrou a primeira palestra do evento. Riedel falou de sua trajetória pessoal e profissional e do desenvolvimento do agro sul-mato-grossense.

“É importante lembrar que 38% do território é ocupado por lavouras e florestas plantadas e 61% do País ainda possui vegetação nativa em cinco diferentes biomas, o que significa para o Brasil R$ 6 trilhões de PIB em 2015”, citou Riedel.

Em seguida, o especialista Antônio Chaker, da Inttegra- Instituto Terra de Métricas Agropecuárias, ministrou a palestra Gestão de Alto Impacto: transformando o Agro, mudando o Mundo’. “O grande aspecto da transformação é conseguir ter um olhar, uma visão do negócio ou da vida, de uma forma que não foi citada. Este é ponto de partida para qualquer mudança. O segundo é competência, e o terceiro é coragem”.

O último momento do Encontro foi para abordar a relação homem e inovação. O palestrante José Pulgas ministrou a palestra ‘Agro 4.0 versus 3.0 Impacto’. “Os maestros sempre terão o seu papel e com isso nunca serão demitidos. Eles entendem perfeitamente a posição de cada instrumento na orquestra. É assim que temos que ser, entendedores da tecnologia. Nessa matemática que envolve inovação o trabalho humano não precisa perfeição, precisa conhecimento das partes”.

Sobe no caixote – Um dos momentos mais interativos e esperados no evento foi o ‘Sobe no Caixote’, onde os participantes puderam se expressar sobre seus anseios pessoais e profissionais e/ou mandar um recado. A representante sul-mato-grossense do CNA Jovem Nacional, Stephánie Ferreira, foi a primeira a falar: “A receita do sucesso não existe. Eu era uma pessoa muita tímida, mas comecei a fazer uma rede de contatos, a falar com todo mundo. É muito bom contribuir com o nosso setor”.

O evento promovido pelo Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, Famasul e o MNP – Movimento Nacional dos Produtores conta com o apoio da associação Novilho Precoce MS, Sindicato Rural de Campo Grande e SRB – Sociedade Rural Brasileira.

Além das autoridades já listadas, estiveram presentes o diretor tesoureiro da Famasul, Luis Alberto Moraes Novaes; a diretora-secretária da Federação, Terezinha Candido; o diretor executivo, Lucas Galvan; o presidente da SRB, Cesário Ramalho; o presidente da Novilho Precoce, Nedson Rodrigues; e o presidente do sindicato rural do município, Ruy Fachini.

Confira entrevista concedida pelo superintendente do Senar/MS, Rogério Beretta, sobre o 3º Encontro Jovens da Agropecuária, na TV Canal do Produtor: https://www.youtube.com/watch?v=0VqglbRHWq4

Fonte: Assessoria de Imprensa Sistema Famasul - Ana Brito


Voltar

Programas e Projetos


Mais projetos

Facebook


Instagram


Siga-nos no Instagram!

Twitter

Siga-nos no Twitter!