Transformando Vidas: Senar/MS realiza Dia de Campo em Bela Vista e Camapuã para 280 pessoas - Senar MS



Transformando Vidas: Senar/MS realiza Dia de Campo em Bela Vista e Camapuã para 280 pessoas

04/06/2019

Transformando Vidas: Senar/MS realiza Dia de Campo em Bela Vista e Camapuã para 280 pessoas

O Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural promoveu, nesse sábado (1), dois eventos da ATeG – Assistência Técnica e Gerencial. Em Bela Vista, a 268 quilômetros da Capital, em parceria com o sindicato rural do município e a Fazenda Birigui, a instituição realizou um dia de campo, com mais de 200 participantes. Também na mesma data, em Camapuã, a 119 quilômetros de Campo Grande, na Fazenda Bacuri a instituição organizou uma Vitrine para cerca de 80 pessoas.

Bela Vista – O coordenador da ATeG, Nivaldo Passos, discursou durante a abertura e destacou as ações realizadas pela instituição. “Atualmente, no estado, nós prestamos Assistência Técnica e Gerencial para mais de 2 mil produtores rurais, em 9 cadeias produtivas. Além dessas ações, nós temos o curso técnico em Agropecuária, localizado no Centro de Excelência dentro da Embrapa Gado de Corte, que a partir deste mês estará com inscrições abertas para novas vagas para quem deseja ampliar o conhecimento”, ressaltou o coordenador.

Passos também apresentou inciativas e números do Senar/MS no município de Bela Vista. “No ano passado, em parceria com o Sindicato Rural, capacitamos mais de mil pessoas através dos nossos cursos. Dentro da Assistência Técnica e Gerencial nós prestamos consultoria gratuitamente a 44 produtores rurais em Bovinocultura de Corte, Bovinocultura de Leite, Horticultura e Apicultura”.

O proprietário da Fazenda Birigui, Jorge Gaeti Ferreira Camargo, recebe a ATeG em Bovinocultura de Corte há 6 anos e afirma que a participação do Senar/MS foi fundamental para o desenvolvimento de sua produção. “Sempre foi muito bom, trouxeram muitos resultados para nós. Os técnicos são muito atenciosos e sempre abertos a debater sobre o que fazer em cada situação, além de sempre buscarem mais informações quando necessário”.

Camargo explicou sobre o projeto de utilização da ultrassonografia para a seleção do melhoramento genético. “Os animais que nós avaliamos aqui foram nutridos com a ajuda do Senar/MS, na parte de produção de silagem, grãos e com reforma e manejo de pastagens. O resultado disso é fruto do trabalho de genética que nós temos com a parte de alimentação e o apoio da instituição”.

O técnico de campo, Fabio Biberg ministrou na Fazenda Birigui, palestra para apresentar os resultados atingidos através da Assistência Técnica e Gerencial na propriedade. “Fizemos desde uma renovação total da pastagem com troca de espécie forrageira, até uma reforma superficial, com calagem, adubação e gessagem em cobertura, assim como produção de silagem, fazendo a integração das culturas, anuais e perenes. Também fizemos um trabalho de produção de forragem com capim piatã, feijão-guando e milho”.

Biberg ainda acrescentou, “Nós vemos o trabalho que a propriedade está fazendo na genética, mas sem a alimentação, esse resultado não se expressa, então é importante ter uma boa sustentação, uma boa forrageira, um valor nutricional interessante para expressar toda essa genética”.

Para o prefeito de Bela Vista, Reinaldo Miranda Benites, o evento tem importância para divulgar o nome do município. “Para nós é motivo de orgulho termos produtores rurais investindo na genética, qualidade do gado. É importantíssimo uma ação como essa para aprender sobre manejo de pastagens, surgimento de novas tecnologias e a genética que é o mais importante, almejado por todos os proprietários”.

O dia de campo contou com mais de 200 participantes, entre eles, produtores, colaboradores que atuam em propriedades, parceiros e profissionais técnicos.

O gerente da Fazenda Itapuã, localizada no município, Luiz Carlos Viega Ajala, foi um dos participantes. Ele alega que há 5 anos a propriedade recebe a Assistência Técnica e Gerencial em Bovinocultura de Corte. “O trabalho deles é bom, porque fazem a análise e as reformas necessárias, além de tratar da parte do manejo. Mudou muito o gado, as pastagens estão só melhorando e estamos mantendo um capim mais alto também”.,

Camapuã – O Senar/MS também realizou a vitrine da Assistência Técnica e Gerencial na Fazenda Bacuri, com a parceria do Sindicato Rural do município, e contou com a participação de cerca de 80 pessoas.

O supervisor da ATeG em Bovinocultura de Corte, Deilton Medeiros, explicou sobre as ações que o programa tem realizado na propriedade. “Foram trabalhadas 2 áreas nesse primeiro ano de atendimento. Uma região de 60 hectares de recuperação e divisão de pastagens, entre adubação superficial e manejo. E outra de 20 hectares para renovação. Nesse espaço foi introduzido o capim Quênia e testado o pó de basalto como remineralizador de solo desse território”.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Sistema Famasul – Vitor Ilis


Voltar

Programas e Projetos


Mais projetos

Facebook


Instagram


Siga-nos no Instagram!

Twitter

Siga-nos no Twitter!